A Câmara de Gaia, apesar de a ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos e Águas - não ter aprovado a taxa ambiental de valor fixo, conseguiu garantir a retirada de uma componente importante da taxa de resíduos sólidos e urbanos da fatura da água e incentivar à redução do consumo de água com uma taxa que passa a ser fixa e variável, como imposto pela ERSAR. Assim, para os clientes domésticos, o tarifário de RSU para 2020 prevê a aplicação de uma tarifa fixa, de €1,50/por cada 30 dias, e uma tarifa variável, de €0,20 (escalão único), em função do consumo faturado em m3 água, mantendo o “espirito” da proposta inicial de desonerar os Gaienses do custo da recolha de resíduos sólidos urbanos da fatura da água.

A Câmara de Gaia e a Águas de Gaia informa que esta nova versão garantirá uma redução ainda maior nas faturas dos clientes domésticos no escalão dos 5m3, os quais passarão a pagar 2,5€, ou seja, ainda menos do que o previsto.

Os Gaienses terão, de facto, uma redução significativa na fatura da água, como pode verificar no simulador que criamos para simular o quanto irá passar a pagar com o novo tarifário. Basta para isso, indicar o seu consumo médio que poderá consultar na fatura e o simulador indicará quanto irá pagar e qual o grau de poupança na componente de resíduos (entre os 60% e os 70%), tendo pois impacto directo na fatura total como poderá confirmar.


Seleccione consumo

Comparativo de tarifário